Quarta, 24 Janeiro 2018

Ofício de benzedores de Juatuba ganha título de patrimônio imaterial

Publicado em Cultura Segunda, 04 Dezembro 2017 07:41
Avalie este item
(0 votos)

Tradição que atravessa gerações, o ofício de benzedores e benzedeiras de Juatuba foi registrado em 2017 como patrimônio imaterial do Município, pela Secretaria de Cultura e Turismo. O reconhecimento, por meio de pesquisas, realizadas nos últimos anos, visa preservar a memória da comunidade em relação à prática, parte do cotidiano e da identidade da cidade, sobretudo no que tange aos conhecimentos empíricos e de origem popular. 

O dossiê, intitulado “Evocações do Sagrado”, é um resgate da história de Juatuba. De acordo com a historiadora Sônia dos Anjos, gestora da pasta responsável pelo tombamento,  o trabalho foi iniciado em 2013, com destaque, inclusive, na mídia estadual. “Trata-se de algo milenar, presente em várias culturas e que chegou ao Brasil com os portugueses. Aqui, foi acrescido do conhecimento dos negros e índios”, comenta a secretária. 

Sônia lembra que após vários encontros e discussões, já a partir de 2015 e com o envolvimento do Conselho Municipal de Cultura, Patrimônio Histórico, Ambiental e Cultural, a decisão foi pela elaboração do documento. “Precisamos guardar as histórias tão importantes e de pessoas muito queridas na comunidade. E em 2018 haverá continuidade, pois ainda há muitos que não estão catalogadas”, explica a gestora. A medida teve aprovação unânime dos conselheiros. 

Lido 73 vezes

Deixe um comentário

SUGESTÃO DE MATÉRIA

EDIÇÃO EM PDF ONLINE