Segunda, 25 Junho 2018

Mais de 150 mil quilos de lixo nas rodovias que cortam a Região Metropolitana Destaque

Publicado em Geral Terça, 22 Maio 2018 13:49
Avalie este item
(0 votos)

Trecho da BR-262 em Juatuba é um dos que têm maior quantidade de dejetos descartados irregularmente

 

 

Em meio à campanha Maio Amarelo, que visa chamar a atenção dos motoristas e pedestres à importância de atitudes seguras nas vias públicas, um levantamento a respeito das rodovias que cortam as cidades da Região Metropolitana de Belo Horizonte – RMBH – confirmou a necessidade de combate a um mau hábito que também pode causar acidentes: o acúmulo de lixo e entulho às margens das estradas. De acordo com os dados apresentados pelas empresas, que operam 1.784 quilômetros das BRs 262, 153, 040 e 050, de janeiro a março deste ano, mais de 150 toneladas de materiais foram recolhidas das pistas de circulação de veículos e das faixas de domínio.

 

Entre os trechos com maior quantidade de dejetos coletados no período, o da BR-262 em Juatuba, onde até mesmo um sofá foi encontrado recentemente. Eletrodomésticos velhos e estragados, móveis, armários quebrados, restos de pneus, garrafas de plástico, latas de alumínio, pedaços de papelão, lixo doméstico e até hospitalar fazem parte do cenário encontrado diariamente pelos funcionários das concessionárias.

 

O trabalho precisa ser ininterrupto para evitar que montanhas compostas por esses resíduos sejam formadas rapidamente. Também contribui com o problema o lixo atirado pelas janelas por condutores e passageiros de veículos, como recipientes diversos, papel, entre outros.

 

Legislação

 

O artigo 172 do Código de Trânsito Brasileiro – CTB - considera infração média o ato de atirar do veículo ou abandonar na via objetos ou substâncias. Esse tipo de conduta é punido com a perda de quatro pontos na Carteira Nacional de Habilitação – CNH -, além de multa no valor de R$ 130,16.

Lido 182 vezes

Deixe um comentário

SUGESTÃO DE MATÉRIA

EDIÇÃO EM PDF ONLINE