Domingo, 23 Setembro 2018

Morador de Mateus Leme oferece gasolina clandestinamente por R$ 7,50, o litro Destaque

Publicado em Geral Quarta, 30 Maio 2018 14:58
Avalie este item
(0 votos)

Em meio ao desabastecimento gerado pela paralisação dos caminhoneiros, que já chegou ao décimo dia, um morador de Mateus Leme foi flagrado ao usar a internet para vender combustível clandestinamente. Nesta terça-feira, 29, o anunciante oferecia um galão com 20 litros de gasolina comum por R$ 150. Na descrição do produto, ele informou um telefone para contato, mas não atendeu às ligações e nem respondeu às mensagens enviadas por supostos interessados na negociação, por meio da própria plataforma.

 

De acordo com as leis federais 8.176/91 e 9.605/98, o comércio, estocagem e até o transporte de combustíveis sem autorização configuram crimes ambientais e também contra a ordem econômica. A prática também é proibida pela Portaria 116, da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis – ANP.

Lido 399 vezes

Deixe um comentário

SUGESTÃO DE MATÉRIA

EDIÇÃO EM PDF ONLINE