Domingo, 23 Setembro 2018

Trio envolvido em assassinato durante briga de vizinhos no bairro Queiroz aguarda julgamento

Publicado em Policial Terça, 11 Setembro 2018 09:51
Avalie este item
(0 votos)

Os envolvidos numa confusão que terminou em homicídio, no ano passado, no bairro Queiroz, em Mateus Leme, se tornaram réus, a partir de denúncia do Ministério Público de Minas Gerais – MPMG. O crime foi registrado em 24 de agosto de 2017 e teve como motivação briga por parte de um terreno, entre a casa da vítima, que tinha 50 anos, e a dos suspeitos, na rua 22. Com a conclusão do inquérito pela Polícia Civil e a manifestação da Promotoria, os acusados aguardam julgamento.

Conforme as apurações, as duas famílias brigavam há meses pela posse de um pedaço do lote e participaram de uma audiência para tratar do assunto, na data do crime. As discussões continuaram após a reunião no Fórum. De acordo com os depoimentos, D.E.C., de 54, fez ofensas a Jeremias Fernandes Souza, que, durante o tumulto, foi atingido pelo filho dela, 27, com dez facadas e morreu na via pública.

 Acionada por moradores da região, a Polícia Militar chegou rapidamente e prendeu em flagrante o rapaz, W.F.C., e a mãe, que conseguiu liberdade provisória. O MPMG indiciou também o irmão do jovem, B.E.C., 30, que, suspeito de participação nas agressões, foi detido recentemente.

Lido 116 vezes

Deixe um comentário

SUGESTÃO DE MATÉRIA

EDIÇÃO EM PDF ONLINE