Quarta, 19 Setembro 2018

Prefeitura e Câmara de Juatuba unem forças com outros municípios para ampliação da assistência na Saúde

Publicado em Saúde Terça, 27 Março 2018 17:54
Avalie este item
(0 votos)

O Executivo e o Legislativo de Juatuba anunciaram que vão trabalhar juntos para reduzir a demanda reprimida por assistência médica na cidade. A medida é uma resposta dos dois poderes aos entraves causados pelo governo do Estado, que não tem cumprido os compromissos com o Município em relação às pactuações na área da Saúde. O mesmo problema é enfrentado por gestores de todo o país e, em Minas Gerais, a situação já motivou muitos protestos, principalmente a partir de meados do ano passado, quando os atrasos dos repasses ficaram mais frequentes. 

Em dificuldades para manter os procedimentos cirúrgicos de média e alta complexidade, a Prefeitura uniu forças com a Câmara e busca soluções. Juatuba tenta uma parceria com o Hospital Evangélico, em Belo Horizonte, e com o Regional de Betim, visando a criação de uma rede para acelerar os atendimentos. No perfil que mantém no Facebook, a prefeita Valéria Aparecida dos Santos afirmou que a expectativa é “zerar” a fila de espera. 

“Muito agradecida ao deputado estadual João Vítor Xavier por abrir as portas do Hospital Evangélico para que possamos realizar um mutirão de cirurgias para nosso povo. Fomos muito bem recebidos pelo presidente Euler Borja (Major) e sua equipe maravilhosa. Tenho a certeza que os pacientes serão atendidos com muito carinho. Agradeço o apoio do Legislativo e dos servidores do Município”, afirmou. 

A chefe do Executivo de Juatuba se reuniu ainda com o prefeito de Betim, Vittorio Medioli, que também usou a rede social para destacar a importância dessa junção. “É fortalecendo trabalhos em conjunto e trocando experiências que vamos garantir o desenvolvimento de nossas cidades e de toda a nossa região”, disse ele. 

As despesas referentes às operações serão pagas com recursos próprios de Juatuba e emendas de custeio, destinadas por João Vitor Xavier e pelo deputado federal Luís Tibé. Além disso, a Prefeitura vai contar com montante proveniente da devolução de parte do duodécimo pela Câmara, a partir do pacote de medidas para economia na Casa, já implementado desde o ano passado pelo presidente Kellissander Saliba, o Ted. 

 

Lido 230 vezes

Deixe um comentário

SUGESTÃO DE MATÉRIA

EDIÇÃO EM PDF ONLINE