Quinta, 16 Agosto 2018

Campanha de Vacinação contra a Gripe continua até o dia 15 de junho

Publicado em Saúde Terça, 12 Junho 2018 13:01
Avalie este item
(0 votos)

O Ministério da Saúde decidiu prorrogar a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe. O período de mobilização, que a princípio terminaria na sexta-feira, 1º, foi estendido até 15 de junho. De acordo com o governo federal, a medida tem relação com os efeitos da paralisação dos caminhoneiros, que teve reflexos nos atendimentos. Com isso, as doses continuam disponíveis em todos os postos.

 

 

A baixa procura pelo imunobiológico em 2018 também contribuiu para a decisão. Conforme os últimos dados divulgados, 35,6 milhões de pessoas foram imunizadas em todo país. O número equivale a 66% do público-alvo. No entanto, a meta é imunizar 54,4 mi, o que significa que ainda faltam 18,8 mi.

 

 

Ao contrário de grande parte dos municípios, Mateus Leme conseguiu bons resultados antes da ampliação do prazo. Segundo informações disponibilizadas pela Assessoria de Comunicação da Prefeitura, foram vacinados na cidade 123,73% dos trabalhadores da área da Saúde; 100,12% dos idosos; 96,55%, professores; e 90,74%, no caso das puérperas, que são as mulheres com até 45 dias após o parto. Já entre as crianças, com idade entre seis meses e cinco anos incompletos, o alcance foi de 75,72%. O Ministério da Saúde preconiza a imunização de 90% para todos os grupos prioritários.

 

 

Em Juatuba, de acordo com dados apresentados pela Secretaria Municipal de Saúde, já foram imunizadas 5.896 pessoas, o correspondente a 91,97% do público-alvo. A meta é chegar a 6.411 doses aplicadas.

 

 

Público-alvo

 

Os idosos formam o grupo mais vulnerável a manifestar os sintomas da gripe. Por isso, qualquer pessoa com mais de 60 anos, tem direito de se proteger gratuitamente, vacinando em qualquer unidade de saúde. Crianças com idade entre seis meses e cinco anos incompletos; gestantes; puérperas (mulheres que tiveram filhos há até 45 dias) e profissionais da área da Saúde também são vulneráveis às complicações da gripe, segundo o Ministério da Saúde. Por isso, integram os grupos prioritários que devem ser imunizados.

Lido 97 vezes

Deixe um comentário

SUGESTÃO DE MATÉRIA

EDIÇÃO EM PDF ONLINE