Quinta, 16 Agosto 2018

Dados do Ministério do Trabalho mostram duas cidades com menos 1043 vagas em 2015

O ano não foi fácil para nenhum segmento. O agravamento da crise econômica do país, já a partir de janeiro, deixou sequelas consideráveis em todos os setores do mercado com o baixo desempenho da economia e consequentemente, um quadro de recessão que parece estar longe do fim. O cenário pintado pelos economistas para 2016 não é nada favorável, pelo contrário, há motivos para preocupações, principalmente se considerada a situação política do país nesse momento. E, nesse cenário sombrio, Juatuba e Mateus Leme também encerram 2015 sem motivos para comemorações em relação à geração de emprego e renda. 

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados – Caged – do Ministério do Trabalho confirmam: as duas cidades terminam no vermelho. Os índices, consolidados entre janeiro e outubro, último mês avaliado pelo órgão, apontam que os dois municípios perderam juntos nos dez meses analisados 1043 postos nos principais segmentos de mercado, com saldo positivo apenas em um dos setores, o de serviços, que, apesar das adversidades, admitiu mais profissionais que desligou no período. 

Em janeiro, Mateus Leme tinha 5.929 empregos formais em 1.211 estabelecimentos. Ao longo do ano, foram contabilizadas 1.707 admissões e 2.217 demissões, o equivalente a uma diferença negativa de 510 vagas. A área mais prejudicada foi a indústria de transformação, que respondia por 3.287 carteiras registradas e desligou 1.185 trabalhadores. Mesmo diante das dificuldades, que poderiam ter gerado reflexos mais drásticos, o comércio fechou apenas 20 postos, enquanto no segmento de prestação de serviços, o terceiro que mais emprega, o número de contratações superou o de demissões em 54. 

Juatuba começou o ano com 5.455 vagas ocupadas nos 740 pontos registrados no Caged e termina com menos 533, conforme o último relatório disponibilizado. Na indústria de transformação, que tinha 3.303 postos ocupados no primeiro mês de 2015, foram 375 admissões e 1.012 desligamentos. No comércio, a diferença foi negativa com menos 44 trabalhadores no mercado. Já o segmento de serviços se destacou e gerou 154 empregos. 

 

APOSENTADORIA PROPORCIONAL

Terça, 15 Dezembro 2015 16:08

A antecipação da aposentadoria é possível na modalidade Aposentadoria Proporcional. Apenas as pessoas que se inscreveram no INSS até 16/12/1998 (data de publicação da Emenda Constitucional nº 20) podem aposentar-se proporcionalmente. Atualmente, não há previsão deste tipo de benefício nas leis previdenciárias, pois ele foi extinto.

As pessoas que cumpriram os requisitos para a aposentadoria proporcional até 15.12.1998, têm direito adquirido a este tipo de aposentadoria. Entretanto, para não prejudicar os que se inscreveram no INSS antes dessa data, a aposentadoria proporcional está prevista nas regras de transição. 

Na hora de tomar essa decisão, pode-se levar em conta algumas considerações gerais, embora seja, como na grande maioria das decisões previdenciárias, variável de acordo com o caso, sempre sendo recomendado levar detalhes a uma advogada previdenciarista para analisá-lo.

Quem sempre recebeu salários ou contribuiu para o INSS entre 1 e 2 salários mínimos, neste caso a Aposentadoria Proporcional é mais vantajosa, pois pouco reduzirá o valor do seu benefício, que de qualquer maneira ficará próximo ao salário mínimo. A vantagem nesse caso é que poderá se aposentar mais cedo e continuar trabalhando, para assim dobrar sua renda enquanto conseguir trabalhar (salário + aposentadoria).

Para aqueles que ganham mais de dois salários mínimos a Aposentadoria Proporcional resultaria em um valor entre 12% e 30% menor que a Aposentadoria Integral. Apesar de existir redução no caso de Aposentadoria Proporcional, é importante ter em vista a vantagem financeira total resultante desta aposentadoria.

Por exemplo: O segurado completou 32 anos de contribuição e tem direito a Aposentadoria Proporcional com 70% do valor do benefício. Supondo que o seu salário fosse de R$2000,00, sua aposentadoria, neste caso, ficaria em R$ 1400,00 por mês. Durante três anos ele receberia, além da sua renda normal, mais 39 parcelas de R$ 1400,00. Esses três anos representariam um ganho de R$ 54.600,00.

Caso esperasse os três anos restantes para completar o Tempo de Contribuição e Aposentadoria Integral, ganhando 600 reais a mais por mês, o trabalhador precisaria de 91 meses para tirar a diferença do que “deixou de receber” caso tivesse se aposentado três anos antes dos 35 requeridos para aposentadoria integral.

Resumidamente, o que se pode aplicar como regra vantajosa é:

-Se falta um ano ou menos para completar o tempo de contribuição para Aposentadoria Integral, deve-se esperar;

-Se falta mais de três anos, a melhor opção é a Aposentadoria Proporcional.

Deixo aqui o meu e-mail para maiores esclarecimentos e sugestão de tema para esta coluna: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Convido-os ainda para ouvirem minha participação ao Vivo, na próxima quinta feira no programa do Vereador, Radialista e Comunicador Mauricio Aguiar, transmitido pela Radio Líder FM 102,7.

 

Dra. Marcella França – Advogada Previdenciária Especializada

Escritório de Advocacia Previdenciária:

Benefícios Previdenciários do RGPS e RPPS -  Previdenciário Empresarial

•Desaposentação

•Aposentadoria e Revisões do Servidor Publico Municipal, Estadual e Federal;

•Cálculos para a Aposentadoria;

•Custeio;

•Planejamento de Aposentadoria;

•Aposentadoria por invalidez / Acréscimo de 25%

• Aposentadoria Rural;

•Aposentadoria Urbana; Aposentadoria por Idade;

•Aposentadoria Especial;

•Aposentadoria por Idade;

•Aposentadoria por Velhice;

•Aposentadoria 85/95;

•Auxilio doença Parental;

•Revisão da vida Inteira;

•Auxílio Acidente;

•Acidente Doença Acidentário; 

•Acerto de tempo de contribuição;

•Revisões de Benefícios; 

•Pensão Urbana/Rural;

•Auxilio Maternidade/Auxilio Maternidade Rural;

•Amparo Social ao Deficiente e ao Idoso;

(37) 9902-5886 (VIVO) mensagem e whatsapp

Praça Cilico, 74, Centro, Térreo, Itaúna – MG

e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

A culinária do município e região, com direito aos ingredientes típicos e àquele toque especial que costuma encantar os amantes das tradicionais feiras estão presentes em mais uma edição do festival “Temperos de Juatuba”, que movimenta a Praça dos Três Poderes desde a noite de ontem, 11. A mostra é composta por dez pratos, entre os quais, dobradinha com feijão branco, panqueca, estrogonofe, ovo de codorna empanado, bolinho de mandioca, churrasquinho, frango com provolone, torta de chocolate com morango, almôndega de costela recheada, requeijão com amendoim, além de roscas e doces diversos. 

Na quarta edição, o evento realizado pela Secretaria de Cultura e Turismo tem a proposta de incentivar e valorizar a comida elaborada pelos feirantes. A festa da gastronomia da cidade continua hoje, 12, e amanhã, 13, a partir das 10 horas, com apresentações de música e dança, recreação e promessa de muita diversão para todo o público. 

 

Ampla programação cultural marca campanha pelo resgate do espírito do Natal 

Mateus Leme está em clima de Natal, graças à parceria firmada entre a Associação Comercial, Industrial, Agropecuária e Prestação de Serviços – Aciaps – e a administração municipal para decorar a cidade e resgatar o verdadeiro espírito da festa, com apoio dos empresários estabelecidos principalmente na área central. Intensa programação cultural vai marcar a campanha, com apresentações musicais, concurso de decoração e exposições. 

E, desde sábado, 05, o Papai Noel está na casa montada especialmente para ele no coreto da Praça da Matriz de Santo Antônio e permanece até o fim de dezembro para receber os pequenos. O espaço reservado às visitas para o “Bom Velhinho” fica aberto das 20h às 23 horas; no local ele está disponível para tirar fotos e ainda distribui doces para a meninada. 

A campanha “Natal de Luz” segue hoje, 12, com ações em várias partes de Mateus Leme. Às 10h, haverá contador de histórias na Pracinha da Criança e simultaneamente, o Papai Noel chega à sede do Conselho de Desenvolvimento Comunitário de Azurita – Condecoma, onde será encenada ainda a peça infantil Reino da Pedra Azul. Na Praça da Matriz, às 20h, o projeto “Sons de Batuque”, da Associação Arte Cultura e Fantasia – ACF, além de espetáculos de dança e barraquinhas de comidas e bebidas. Amanhã, 13, o “Bom Velhinho” vai a Azurita. 

 

Para sexta-feira, 18, sessão de cinema na Casa de Cultura Cássia de Afonso Almeida, 19h, e música na Praça da Matriz, 20h. Sábado, 19, as comemorações de fim de ano continuam com atividades recreativas na unidade do Serviço Social do Comércio – Sesc – com cama elástica em muitas outras brincadeiras a partir das 10h. Às 20h, o grupo Violeiros do Médio Paraopeba promete emocionar o público com repertório composto por canções que marcaram época. No domingo, 09h30, apresentação da banda da Polícia Militar, 09h30, e ações no Sesc novamente, 10h. Segunda, 21, e quarta-feira, 23, desfiles com o Papai Noel e dançarinos fantasiados. 

 

As reclamações sobre a situação das vias públicas em Juatuba já se tornaram corriqueiras. E, se sobram críticas, poucas têm sido as ações para resolver o problema, que toma conta de todas as regiões, com muitos transtornos e prejuízos. Esta semana um leitor flagrou uma verdadeira “cratera” na rua José Monteiro em pleno Centro da cidade.  A imagem foi encaminhada à redação com mais um pedido para que sejam adotadas providências.

É hoje a cerimônia de entrega de um dos principais prêmios da imprensa da região, o Troféu Evidência, que pela primeira vez engloba Juatuba e Mateus Leme. A solenidade será realizada na Universidade de Itaúna, com homenagens a 18 nomes das duas cidades, entre empresas, instituição e profissionais liberais apontados pela população em pesquisa de opinião pública pela qualidade dos serviços prestados às comunidades nas quais estão inseridos. 

O principal objetivo da premiação, cujo tema este ano é “O Mundo da Tecnologia” é fazer justiça por meio do reconhecimento e valorização dos que trabalham pela construção de uma sociedade melhor e muitas vezes, no dia a dia, não têm a repercussão que merecem. A noite de entrega do Troféu Evidência terá intensa programação nas áreas externas e também nos três pisos do Grande Teatro localizado nas dependências da instituição de ensino do município vizinho. 

Mais que um evento para homenagear quem se empenha para o desenvolvimento das três localidades envolvidas, a premiação foi transformada ao longo dos anos em polo disseminador de cultura, abordando as diversas manifestações artísticas. Mais uma vez, o público será brindado com diversas atrações, entre as quais, o cantor de Juatuba, Thiago di Melo, grande revelação do sertanejo. Quem também vai ajudar a abrilhantar a festa é a artista Shis Carvalho, conhecida pela participação no programa Máquina da Fama, do SBT, como cover da cantora norte-americana Beyoncé. Outro destaque da programação é o Grupo Vértice de Dança, que vai unir no palco balé, jazz e artes circenses.   

A recepção aos convidados será em um ambiente refinado e aconchegante, com uma ornamentação moderna e despojada e despojada especialmente criada pelo decorador Márcio Costa. “Apostamos em um mix de flores nobres, com arranjos de astromélias e lisianthus. Trabalhamos com cores marcantes e tons fortes, como é o marsala, considerado a cor do ano de 2015”, conta o profissional. Móveis diferenciados compõem os espaços, que têm iluminação diferenciada. “Tudo pensado para garantir a sofisticação, sem deixar de lado o conforto do público”, completa.  

O que também não poderia ser deixado de lado é o coquetel que será servido após a cerimônia e faz parte da programação oficial do evento. Para garantir o requinte e qualidade do cardápio, foram elaborados variados pratos e combinações pelo Buffet Iracema, de Pará de Minas, considerado um dos melhores da região. “Queremos levar aos nossos convidados uma festa da mais alta qualidade que, além de proporcionar visibilidade em termos de mercado, que seja uma forma de interação entre os convidados em um momento de descontração”, afirma a coordenadora do Troféu Evidência, Deise Nogueira. 

 

CASAMENTO

A cerimônia religiosa do casamento de André Raposo e Mariella Silva celebrada na Matriz de Santo Antônio, no dia 20 de novembro foi bonita e de bom gosto, com a recepção dos convidados sendo no Espaço Shangrillá, local muito elegante com a decoração perfeita, assinada por Humberto Santos que tornou o local ainda mais bonito e agradável, com um serviço de bufet nota 10. Não poderíamos deixar de registrar a elegância das mães dos noivos, Aparecida Raposo e valda Silva. Parabéns aos noivos, seus pais e seus familiares.

 

EXPOSIÇÃO

A ACIAPS de Mateus Leme, em parceria com a Biblioteca Pública Municipal “Geraldo Alves de Oliveira” convida para a exposição de fotos antigas “Memórias de Matheus Leme”, que ficará na Casa de Cultura “Agente José Ferreira”, antiga estação ferroviária. Vale conferir!

 

NUH BAR

A Banda Radiação Acústico vai comemorar os 02 anos de caminhada de sucesso, se apresentando Nuh Bar, no dia 12 de dezembro, sábado, a partir de 21 horas. Participam também da comemoração, de forma especial, as duplas Jackson e Vinicius, Bia & Felipe Kanashiro.Vale conferir!

FELIZ IDADE

Foi realizado na sexta-feira, dia 27 de novembro, nas dependências do Centro Comunitário de Mateus Leme, o Concurso Miss e Mister Feliz Idade 2015. Foram vencedores na categoria Miss Feliz Idade: Miss Elegância a escolhida foi Creusa Alves de Oliveira Santo, de 61 anos de idade; Miss Simpatia foi Lúcia de Souza Mine, de 70 anos e Miss Feliz Idade 2015 Angélica de Souza Freitas de 79 anos e Mister foram eleitos: Mister Elegância, Arquidicionides Lopes de Oliveira, com 87 anos de idade; Mister Simpatia, Braz Pereira, com 74 anos e Mister Feliz Idade 2015 Flausino Silvino com 79 anos. A comissão julgadora foi composta pelo professor de dança Gilberto; pela Coordenadora do projeto Servir, Ivânia Perego Silvestre; pelo Secretário Municipal de Administração, Marcus Júnior e sua noiva, a estudante de Odontologia Souad Zorkot, pela ex-Secretaria Municipal de Educação, Marli da Silva Paiva Diniz, pelo Chefe de Gabinete do Prefeito Marlon, Roberto Rodrigues de Oliveira e sua esposa, a professora Marta Ferreira da Silva Rodrigues e Roseli Palhares da Silva, comerciante em nossa Cidade, no ramo de panificados. A organização do evento foi da Coordenadoria do Projeto Feliz Idade e Colaboradores e Secretaria M. de Assistência Social. Parabéns.

FORMATURA

A bonita e simpática Bruna Oliveira Matos de Souza vai colar grau em Arquitetura e Urbanismo. A Missa em Ação de Graças  será dia 10 de dezembro às 19 horas, na Igreja Matriz de Santana; a Colação de Grau no dia 12 de dezembro, às 19h 30min, no Complexo Esportivo da Universidade de Itaúna e o Culto em Ação de Graças no dia 14 de dezembro às 19 horas, no Grande Teatro da Universidade de Itaúna. Parabéns Bruna, você merece!

SERVIR

 

O Projeto Servir, localizado na Rua Guaraciaba Passos 614, convida para a IV Feira e Exposição de Artes e Artesanatos que acontecerá de 09 a 23 de dezembro, na Sede do Projeto. A abertura será na quarta-feira, dia 09 de dezembro às 18 horas e contará com várias atrações, destacando os trabalhos de artesanatos que serão comercializados no local. Marque presença, levando seus familiares e amigos.

Janeiro é mês de “aperto” para o orçamento dos brasileiros e entre as contas que pesam no bolso já no início do ano está o Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores – IPVA – que já tem datas de vencimentos estabelecidas. A primeira parcela vence entre os dias 13 e 19, conforme o final da placa. A escala segue até 21 de março, mas há possibilidade de pagamento à vista e com desconto. 

Os mineiros pagarão, em média, 3,3% a menos do tributo em 2016. A redução refere-se à depreciação do valor dos usados. No entanto, a alíquota foi mantida em 4%, uma das mais caras do país, enquanto o licenciamento teve alta de 8,5%, com valor único de R$ 85,81, conforme o Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna - IGP-DI. Para essa taxa, a multa por pagamento em atraso é de 0,15% ao dia (até o 30º dia), 9% do 31º até o 60º e 12% a partir do 61º dia. Os juros também são calculados por indicador do Sistema Especial de Liquidação e Custódia – Selic. 

Quem optar pelo pagamento do IPVA em cota única terá desconto de 3%; no caso de parcelamento, o valor mínimo é R$ 150. Para pagar, basta informar o número do Renavam nos terminais de auto atendimento dos principais bancos ou emitir a guia no site da Secretaria Estadual da Fazenda. Se o tributo não for pago nos prazos determinados, é cobrada multa de 0,3% ao dia (até o 30º dia), acrescida de 20% depois e juros. 

 

A população de Azurita voltou a se encontrar com autoridades e representantes da concessionária da MG-050 para retomar cobranças feitas desde que foram iniciadas as obras da rodovia no trecho que corta o distrito. Uma das reclamações é referente ao atraso para a conclusão das intervenções, que têm interferido muito na vida da comunidade. Moradores também exigem alterações no projeto, principalmente no que tange à circulação de ônibus dentro do povoado. 

Mas, outra questão, que ainda não foi discutido de maneira ampla, é relativa à liberação das indenizações aos que tinham imóveis localizados em áreas necessárias à duplicação. A situação vem causando revolta entre os antigos proprietários de casas e terrenos, porém, conforme apurado pela reportagem, esse já não é um problema da empresa responsável pela administração da estrada. Na realidade, o montante destinado a indenizar os desapropriados já foi depositado em juízo. No entanto, sem condições atualmente para atender toda a demanda, a Comarca de Mateus Leme não consegue liberar os valores devidos para os que têm a documentação em dia. Muitos também precisam ainda de orientações para colocar a papelada em ordem. Moradores de Azurita formaram uma comissão para acompanhar o caso. 

O presidente da Câmara, Cristiano Oliveira, que participou de reunião na sexta-feira, 27, junto do secretário municipal da Administração, Marcus Júnior, também deu início a algumas providências, com pedidos de informações aos órgãos competentes. Ele pretende ainda reivindicar ao Tribunal de Justiça que nomeie um juiz substituto para julgamento dos processos de desapropriação, uma vez que o magistrado responsável pela 2ª Vara Cível está de licença e apenas um permanece à frente de todo o serviço hoje. O dirigente do Legislativo tem cobrado ainda que a Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas atenda às reivindicações da comunidade sobre o projeto. 

 

As frequentes interrupções no fornecimento de água aos municípios atendidos pela Companhia de Saneamento de Minas Gerais – Copasa – entre os quais estão Juatuba e Mateus Leme, sob a justificativa de necessidade de paralisação do sistema para intervenções desperta desconfianças. As suspeitas são de que a empresa tem lançado mão desse argumento para forçar a redução do consumo sem admitir que está racionando os recursos na Região Metropolitana de Belo Horizonte. A hipótese ganhou um tom mais contundente durante reunião da Comissão Extraordinária das Águas da Assembleia, quando parlamentares afirmaram que a estatal está impondo um “rodízio velado” aos consumidores. 

O encontro foi realizado com o objetivo de questionar os representantes da Copasa sobre os constantes cortes no abastecimento. Mas, a presidente da empresa, Sinara Meireles, não apareceu, fato que gerou críticas do deputado Iran Barbosa. “Estou cada vez mais convencido de que estão acobertando o racionamento, o que configura os crimes de fraude e improbidade administrativa”, declarou ele, após suspender a sessão. “Os moradores estão questionando o porquê de a Copasa estar desligando a água por períodos que superam 36 horas, durante o fim de semana, questionam qual a legalidade disso”, completou. 

Apesar das chuvas, os principais reservatórios da Grande BH estão continuam com o nível muito baixo. Terceiro maior da região e responsável pelo abastecimento de Juatuba e Mateus Leme, o Serra Azul se manteve com volume entre 5,7% e 5,8% nos últimos dias. As represas de Rio Manso e Vargem das Flores operaram, respectivamente, com 28,7% e 27,8%. Já o Sistema Paraopeba não passou de 21,3% da capacidade até o fim desta semana. 

 

SUGESTÃO DE MATÉRIA

EDIÇÃO EM PDF ONLINE